EDUCAÇÃO

ESTE BLOG PERTENCE AO PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS, COM 66 BLOGS E MAIS DE 3 MIL LINKS – STPM JOTA MARIA, JOTAEMESHON, JULLYETTH, JÚNIOR E JÚLIA – MOSSORÓ-RN

BLOGS DO PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

FABRÍCIO MARANHÃO


Fabrício Gomes de Albuquerque Maranhão nasceu em Natal, em 13 de setembro de 1852. Seu pai, Amaro Barreto de Albuquerque Maranhão, veio de Pernambuco e casou-se com Feliciana Pedroza, filha do rico comerciante Fabrício Gomes Pedroza. Fixou-se em Canguaretama, onde possuía um engenho de açúcar. O Coronel Fabrício foi filiado ao Partido Liberal, por qual foi Deputado Provincial, mas, em 1889, aderiu ao Partido Republicano e foi um dos colaboradores dedicados. De 1892 até 1913 exerceu mandato de Deputado. No mesmo período comandava Canguaretama como presidente de intendência. Era o orientador supremo da política no litoral sul e agreste, supervisionando e aconselhando seus vassalos nos municípios entre São José de Mipibu e Nova Cruz. Em suas viagens de trem, atendia pela janela do vagão nas estações e paradas ferroviárias. Entrou na política antes de seus famosos irmãos: Augusto Severo, Alberto Maranhão e Pedro Velho. Dizem que teria desistido de ser Governador porque não pôde transferir a capital para Canguaretama. Teria mandado construir um amplo sobrado no centro da cidade pensando nisso. Fora do poder político, teve que suportar as provocações dos adversários. Tentou continuar o mesmo coronel Fabrício, saudado onde apa­recia, embora sem o prestígio oficial de antes. Partiu para o Rio de Janeiro, falecendo em 19 de abril de 1924. Uma frase sua expressa as voltas que a política dá: Ninguém deixa a política, é deixado por ela! É nome de uma escola e de uma rua no município de Canguaretama
FONTE - HISTÓRIA DE CANGUATAMA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
PORTAL TERRAS POTIGUARES NEWS, CRIADO EM 28 DE DEZEMBRO DE 2008, COM 89 BLOGS E MAIS DE 2 MIL LINKS

CENTROS

DELITOS